COVID-19: ORIENTAÇÕES DE PREVENÇÃO NO SISTEMA SOCIOEDUCATIVO

O Instituto de Atendimento Socioeducativo do Espírito Santo (Iases) estabeleceu diretrizes de prevenção e controle do novo Coronavírus (Covid-19) no âmbito do sistema socioeducativo.

Formas de transmissão:

A transmissão dos coronavírus costuma ocorrer pelo ar ou por contato pessoal com secreções contaminadas, como:

  • Gotículas de saliva;
  • Espirro;
  • Tosse;
  • Catarro;
  • Contato pessoal próximo, como toque ou aperto de mão;
  • Contato com objetos ou superfícies contaminadas, seguido de contato com a boca, nariz ou olhos.

Sintomas:

Os sinais e sintomas do coronavírus são principalmente respiratórios, semelhantes a um resfriado.
Podem, também, causar infecção do trato respiratório inferior, como as pneumonias. No entanto, o coronavírus (SARS-CoV-2) ainda precisa de mais estudos e investigações para caracterizar melhor os sinais e sintomas da doença.

Os principais sintomas são:

  • Febre
  • Tosse
  • Dificuldade para respirar

Se apresentar esses sintomas, procure o seu serviço de saúde de referência. Após o exame pelo profissional de saúde, se for constatado quadro leve, o paciente deve permanecer em casa por 14 dias. Os endereços das unidades de saúde estão disponíveis nos sites das prefeituras. O atendimento nos hospitais é de média e alta complexidade. Só são encaminhados aos hospitais pacientes com quadros mais graves. 

Em caso de dúvidas, ligue para o 136. Esse é o número do atendimento telefônico gratuito do Sistema Único de Saúde (SUS) e fornece informações e orientações de saúde ao cidadão.

Medidas de prevenção em geral:

  • Lavar frequentemente e de forma correta as mãos, com água e sabão, por pelo menos 20 segundos, principalmente ao retornar dos alojamentos, antes das refeições, após o uso dos sanitários, antes e após a realização de procedimentos e atendimentos;
  • Onde não for possível higienizar as mãos, utilizar álcool em gel 70%;
  • Evitar levar as mãos ao rosto, olhos, nariz e boca;
  • Ao tossir e espirrar, cubra a boca e o nariz com um lenço de papel ou use o antebraço;
  • Evitar o contato com pessoas com sintomas de gripe;
  • Não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, copos, garrafas etc;
  • Evitar aglomerações;
  • Manter os ambientes bem ventilados;
  • Os servidores públicos que retornarem de viagens internacionais ou de navios de cruzeiros deverão permanecer em trabalho remoto no seu domicílio, até o 7º (sétimo dia) contados da data de seu retorno ao Estado do Espírito Santo. A viagem e a data de retorno deverão ser comprovadas imediatamente ao término do período de afastamento, no momento de comparecimento ao trabalho (Decreto n° 4599-R, de 17 de março de 2020);
  • Orientar os adolescentes da importância de não compartilhar de objetos comuns (copos, sabonetes, roupas, toalhas etc); 
  • Intensificar a higienização dos espaços físicos e de objetos de uso comum, como balcões da portaria, mouses, teclados, telefones, materiais de segurança, dentre outros.

Orientações de entrada nas unidades socioeducativas:

  • Fica proibida a entrada de qualquer pessoa que estiver com sintomas de síndrome gripal, sem sinais de gravidade (Decreto 4599-R) nas unidades socioeducativas.
  • O servidor da portaria poderá questionar o visitante sobre a presença de sintomas de síndrome respiratória, bem como o contato com casos confirmados ou suspeitos de coronavírus. Caso a resposta seja positiva, será imediatamente proibido o acesso;
  • Antes de adentrarem no ambiente da unidade, todos os visitantes deverão realizar a higienização correta das mãos, em local adequado disponibilizado pelo Iases;
  • Aos visitantes também será disponibilizado álcool em gel 70%;
  • Fica suspensa a visitação presencial ao adolescente que estiver em isolamento respiratório, sendo adotadas medidas alternativas para que o socioeducando tenha contato com seus familiares

Acesse as notas técnicas e confira na íntegra todo o protocolo de prevenção ao novo Coronavírus (Covid-19) no sistema socioeducativo. 

    2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard